Quando você resolveu viver a própria vida

(Leia este texto ao som de Before You Go)

Bendita seja a manhã em que você decidiu que já havia passado da hora de você começar a viver a própria vida. Do outro lado da porta do quarto, não seria justo continuar correndo atrás dos sonhos dos outros, fazendo as coisas dos outros, contribuindo para algo que mais sugava você do que edificava.

O clarear da sua consciência se deu depois de mais uma queda ao fundo do poço, porque o processo de precisar levantar ensina a gente a se manter de pé. Não foi uma desistência propriamente dita da vida que você tinha, porque seu coração continuou amando e oferencendo amor para as mesmas pessoas depois do meio dia. Foi mais uma escolha consciente sobre onde colocar o próprio esforço.

Numa manhã de segunda-feira, você acordou sabendo que alcançar o seu sonho dependia de você. E caminhar na direção oposta a isso nem sempre é justo e saudável. Para isso, era preciso resolver as diferenças com quem se amava, colocar os pingos nos is, trocar de emprego, botar algumas peças do guarda-roupas para doar a caridade.

Porque desapegar de quem se era é deixar para trás pedaços de quem se foi.

E você precisava.

Foram muitos os tombos naquele processo, porque a escolha por ser feliz também traz um gosto amargo para nossas renúncias. No entanto, o foco nunca deve estar demasiado no medo presente, mas nos sorrisos futuros. Porque uma hora eles sempre chegam.

E chegaram para você, alguns meses depois daquela bendita manhã em que você resolveu colocar a mochila nas costas e arregaçar as mangas para viver a própria vida.

Não foi imediatamente extraordinário, nem com todas as coisas acontecendo de mão beijada. Mas seu coração estava onde queria, e só por isso já valeria a pena.

Júlio Hermann


*Meu segundo livro está à venda em todo o Brasil. Se você gostou deste texto, tem grandes chances de se identificar com ele.

Até onde o amor alcança

[capa] Até onde o amor alcança - 02.indd
“UM DIA VAI SER AMOR A PONTO DE O CORAÇÃO NÃO PRECISAR CONVENCER O CÉREBRO DISSO.
ATÉ LÁ EU ARGUMENTO”.

PARA COMPRAR:

Amazon (51% de desconto)

Saraiva

Livraria Cultura

Para comprar o Tudo que acontece aqui dentro, meu primeiro livro, com desconto na Amazon, clique aqui.

Créditos da foto aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.